"Nestas impressões sem nexo, nem desejo de nexo, narro indiferentemente a minha autobiografia em factos, a minha história sem vida. São as minhas confissões, e, se nelas nada digo, é que nada tenho que dizer." [livro do desassossego. fernando pessoa]

segunda-feira, 29 de junho de 2009

hã?!?!

eu tenho esse comportamento repetitivo mental de viajar demais com coisas q nao aconteceram.
as vezes chego até a 'sofrer' um pouco.

pode chamar de excesso de imaginação..
pode chamar de falta de vida. :P

e eh estranho perceber esse tipo de comportamento mental...
mas como eu ja disse aki uma vez, to nessa fase de introspecção e aprendizado sobre eu msma.

por exemplo
ontem tava viajando sobre aborto e me vi pensando:
"eu nunca abortaria"
aí eu penso: NUNCA??

mto zuadas essas questões..
imagina soh, eu sou estuprada e engravido deste ser sem alma q me atacou.
e fico com o bebe.
TODA VEZ que eu olhar para essa criança vou sentir o que?
RAIVA
RANCOR
ÓDIO
e vou lembrar de tudo q passei.
entende?!

e foi aí viajando sobre isso eu percebi q tava sentindo culpa, pq odiava esse criança q na vdd nem nunca chegou perto de existir.

acho q sou cheia de problemas psciologicos msm
ounão.